Dia Mundial do Diabetes: Curso de Farmácia realiza trabalho de prevenção

O curso de Farmácia, integrante da Faculdade de Ciências da Saúde da  UNIPAC/Araguari, realizou no dia 13 de novembro de 2010, véspera do “Dia Mundial do Diabetes”, uma  dia de atividades para alertar a comunidade sobre a doença. O evento foi realizado em parceria com uma empresa do varejo farmacêutico da cidade.  Das atividades constaram ações de aferição de pressão arterial e glicemia capilar, gratuitamente, na Praça Getúlio Vargas,  centro de Araguari.

Conforme o professor  Herbert Cristian de Souza,  coordenador do curso de Farmácia da UNIPAC/Araguari, todo o trabalho foi acompanhado e monitorado por profissionais farmacêuticos com o objetivo de fornecer à população maior conhecimento sobre a patologia. E acrescentou que “em momento algum foi indicado qualquer medicamento para as patologias; trabalhamos com a orientação e a prevenção”.

Dezenas de pessoas aproveitaram o serviço oferecido em um stand montado na Praça, onde os alunos do curso de Farmácia orientaram e alertaram as pessoas sobre a importância de uma boa alimentação e prática de esportes como maneira correta de prevenir o Diabetes. Os casos mais complexos verificados durante a ação foram direcionados a procurar orientação médica. 

O Diabetes é uma doença causada pela deficiência na produção de insulina. Entre seus sintomas mais freqüentes estão o aumento da freqüência em urinar, sede exagerada, apetite exagerado, perda de peso, coceiras e doenças na pele e inflamações dos nervos.

Em 2007, a Assembléia-Geral da ONU aprovou a Resolução nº 61/225, considerando o diabetes um problema de saúde pública e conclamando os países a divulgarem esse dia como forma de alerta e os governos a definirem políticas e suporte adequados para os portadores da doença.

Por coincidência, também em 2007, entrou em vigor, no Brasil, a Lei nº 11.347/2006 de autoria do ex-senador José Eduardo Dutra, que dispõe sobre a distribuição gratuita de medicamentos, e materiais necessários à sua aplicação, para o tratamento de portadores de diabetes, reforçando, assim, a garantia constitucional do Sistema Único de Saúde (SUS) de atendimento universal e equânime.




Postagens populares